Open

          

16/03/2014: 2º Domingo da Quaresma


MT 17, 1-9

“Este é o meu Filho amado, que muito me agrada”

             Esse trecho vem logo após o diálogo com Pedro e os discípulos sobre quem era Jesus e como deveria ser o seu seguimento: “Se alguém quer me seguir, renuncie a si mesmo, tome cada dia a sua cruz, e me siga” (16, 24). Começando a passagem com as palavras “seis dias depois,” Mateus quer ligar estreitamente o texto com a mensagem anterior sobre a cruz.

             Neste momento Jesus “subiu à montanha” (v. 1), e aparecem Moisés e Elias, símbolos da Lei e dos Profetas. Assim Mateus mostra que Jesus está em continuidade com as Escrituras, isso é, o caminho que Jesus segue está de acordo com a vontade de Deus. Os dois personagens, tanto Moisés como Elias, eram profetas rejeitados e perseguidos no seu tempo - Mateus aqui vislumbra o destino de Jesus, de ser rejeitado, mas também de ser vindicado por Deus. E Pedro faz uma sugestão descabida: “Senhor, é bom ficarmos aqui. Se queres, vou fazer aqui três tendas: uma para Ti, uma para Moisés e outra para Elias” (v. 4). Claro, era bom ficar ali, num momento místico, longe do dia-a-dia, da caminhada, das dúvidas, dos desentendimentos, da luta. Quem não iria querer? Mas, não era uma sugestão que Jesus pudesse aceitar. Terminado o momento de revelação, Jesus estava sozinho, e “desceram da montanha” (v. 9). Por mais gostoso que pudesse ser ficar no Monte Tabor, era precisa descer para enfrentar o caminho até o Monte Calvário! A experiência da Transfiguração está intimamente ligada com a experiência da cruz! Quem sabe, talvez a força da experiência do Tabor tenha dado a Jesus a coragem necessária para agüentar a experiência bem dolorida do Calvário!

É interessante que a Exortação Apostólica “Vita Consecrata” usa a imagem da Transfiguração como paradigma para a vida consagrada - mas, por extensão, também serve para a vida cristã de todos os batizados. O Papa João Paulo II sugere que os religiosos (as) - e aqui aplicamos a todos as/os cristã(o)s - devem subir o Monte Tabor para serem transfigurados, para depois descerem para “lavar os pés” dos irmãos e irmãs! Uma linda imagem! Todos nós - seja qual for a nossa vocação - precisamos de momentos de oração profunda, de união especial com Deus. Mas estas experiências não são “intimistas” - nos aprofundam a nossa fé e o nosso seguimento, para que possamos seguir o exemplo d’Ele que lavou os pés dos discípulos: “Eu, que sou o Mestre e o Senhor, lavei os seus pés; por isso vocês devem lavar os pés uns dos outros” (Jo 13,14).

            Também esse trecho pode nos ensinar a valorizar os momentos de “Tabor”, os momentos de paz, de reflexão, de oração. Pois, se formos coerentes com a nossa fé, teremos muitas vezes de fazer a experiência de “Calvário”! E somos fracos demais para agüentar essa experiência - por isso busquemos forças na oração, na Palavra de Deus, na meditação, - mas sempre para que possamos retomar o caminho, como fizeram Jesus e os três discípulos! E para os momentos de dúvida e dificuldade, o texto nos traz o conselho melhor possível, através da voz que saiu da nuvem: “Este é o meu Filho, que muito me agrada. Escutem o que ele diz!” (v. 5). Façamos isso, e venceremos os nossos Calvários!

Adeus João Paulo II

Visite nosso Ambiente Virtual de Aprendizagem

Cursos Livres Online de Formação & Capacitação em diversas áreas do conhecimento Religioso:

Teologia - Filosofia - Cristologia - Mariologia - Liturgia. Formação e Capacitação de Ministros Extraordinários, e muito mais...

Informamos a todos que nos visitam que, em breve, estaremos disponibilizando diversos Cursos Livres Online (EaD) de Formação e Capacitação em diversos níveis do Conhecimento: Religião, História, Filosofia, Teologia etc. Em Ambiente Virtual de Aprendizagem onde se poderá navegar por vários cursos com aulas, carinhosamente, elaboradas e preparadas por uma equipe de Professores, Teólogos, Historiadores e Mestres nas áreas de todos os campos do conhecimento que aqui se propõe ensinar.

Portanto, aguarde, pois, em breve as matrículas estarão abertas. Não perca esta oportunidade de aprimorar seus conhecimentos no campo da religião. Curso para Ministros Extraordinários: Palavra e Eucaristia, Acólitos, (Coroinhas), Formação de Catequistas, Formação Litúrgica e muito mais.Com direito a Certificado e tudo mais. Aguardem! e, para mais informações , por favor, entre em contato: cursosfeevida@gmail.com  Clique aqui e saiba mais, ou, se preferir obter mais informações, por favorClique aqui.

 

Apostilas & Ebooks Teologia Fé e Vida

Clique aqui e acesse nossas Apostilas e Ebooks

top